quarta-feira, 19 de julho de 2017

Aurélio Almeida diz que entrega o Grêmio "de graça" pra quem assumir as dívidas, confira os áudios:



O atual presidente do Grêmio Maringá, diz que entrega o clube “de graça” pra quem assumir sua dívida, que na qual, se aproxima em torno de 12 milhões de reais.                                                                                            
Os torcedores do GEM, e alguns empresários se juntaram e apresentaram o interesse em assumir o time, Aurélio disse que precisava de uma quantia para garantir o negócio, os torcedores arrumaram, porém, Aurélio Almeida acabou pulando pra trás do negócio e nada foi resolvido.                         
Ademais, segundo informações, Aurélio estaria negociando o time com André Astorga e um grupo de São Paulo, mas toda vez que chegam perto de um acordo, o mesmo desiste da venda. 

terça-feira, 18 de julho de 2017

Marialva recebe prêmio nacional por reduzir mortalidade infantil


A secretaria de Saúde de Marialva foi premiada, no sábado, 15 de julho,
em Brasília, durante o 33º Congresso do Conselho Nacional de Secretarias
Municipais de Saúde. Foram selecionadas 310 experiências de sucesso de
todo o país. A experiência de Marialva foi selecionada a melhor do
Estado do Paraná e será tema de um documentário produzido para a
internet.
A experiência “O REFLEXO DA ORGANIZAÇÃO DA REDE NA REDUÇÃO DA
MORTALIDADE INFANTIL”, escrito pelas enfermeiras Patrícia Hernandes,
coordenadora da divisão de PSF e Débora Mori, coordenadora da Saúde da
Mulher, pontuou as estratégias utilizadas pelo município para mudar o
cenário histórico da mortalidade infantil em Marialva. A cidade
apresentou em 2013 e 2014 cinco casos de óbitos infantis, em 2015 foram
10 e em 2016 zerou os casos.
De acordo com as enfermeiras autoras do projeto, a implantação da Rede
Mãe Paranaense em 2012, foi de extrema importância à organização da rede
materna-infantil municipal e da disponibilização da gestão municipal dos
exames conforme linha guia e de profissionais técnicos capacitados para
coordenação.
“Só foi possível atingir essa significativa redução na mortalidade
infantil, através do adequado atendimento por todos os profissionais
médicos, ginecologistas, enfermeiros, técnicos de enfermagem e agentes
comunitários de saúde que realizam a captação precoce das gestantes,
acompanhamento mensal domiciliar, busca ativa quando necessário e
intensa capacitação dos profissionais” explicou Hernandes.
A enfermeira Débora Mori disse que foi realizada também a
descentralização do Pré-natal para as unidades básicas de saúde,
deixando os ginecologistas de referência para as gestantes de Alto Risco
e doenças ginecológicas. “Implantamos que a primeira consulta da
gestante seja realizada pelo enfermeiro com todos os testes rápidos,
estratificação de risco e solicitação dos exames do primeiro trimestre e
acompanhamento através da planilha mensal os exames e consultas
monitoradas pela coordenação de Saúde da Mulher também fez a diferença”,
explica Mori.

Homem é solto após ser preso por defender a filha


O senhor Jorge Alves Pereira, de 60 anos, que estava preso por causa de um crime de homicídio que cometeu no dia 23 do mês passado em Paiçandu foi colocado em liberdade. Jorge matou com golpes de faca o genro Robson Silva Barbosa, de 28 anos. O crime aconteceu na Rua México, no Jardim Canadá.
De acordo com familiares, a filha de Jorge teria reclamado alguns dias que seu marido estava bem violento, cometendo agressões dentro de casa. O pai que mora na casa da frente escutou os netos gritando e a filha pedindo socorro. Jorge então foi conversar com Robson e a confusão aconteceu.
O suspeito pegou uma faca e desferiu golpes no genro. A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu na residência em decorrência das facadas. O autor fugiu do local da morte mas foi preso logo em seguida pela polícia na casa de um familiar. O senhor Jorge de 60 anos foi encaminhado para a Polícia Civil de Maringá onde permaneceu preso.

O suspeito passou pela audiência de custódia no Fórum de Maringá e retornou para a cadeia no mesmo dia. O advogado de defesa, Adriano Jamusse, da cidade de Paiçandu, conseguiu um pedido de liberdade de revogação da prisão preventiva. O senhor Jorge Alves Pereira terá que se recolher para sua casa até 18 horas, a cada três meses terá que se apresentar no Fórum, e se precisar sair da cidade por uma emergência terá que comunicar o Juiz.

Fonte: André Almenara

quinta-feira, 13 de julho de 2017

Maringá sofre revés no segundo tempo e União abre vantagem na decisão


Nesta quarta-feira (12) Maringá FC e União se enfrentaram pela primeira partida da decisão da divisão de acesso paranaense, jogo que aconteceu no Estádio Municipal Anilado na cidade de Francisco Beltrão. O público no estádio não foi tão grande como o esperado, totalizando 1808 torcedores, sendo esse o segundo maior público do União no campeonato.
O primeiro tempo foi intenso, com o Maringá tomando a iniciativa buscando levar um resultado positivo de volta para casa. Aos 26 minutos do primeiro tempo, o meia Fabrício abriu o placar para o Maringá após cobrança de escanteio. Com isso, o time maringaense passou a administrar o resultado. Mesmo assim, aos 35', Éverton sofreu pênalti, batido por Léo Maringá, porém defendido pelo goleiro Marcos Paulo. A primeira etapa foi terminada com o placar de 1x0 para o tricolor maringaense.
Precisando do resultado, a equipe beltronense voltou a todo vapor para o segundo tempo, com o comandante Ivair Cenci apostando em duas mudanças, com a entrada de Rosseto e Matheus Fornazari. Pressionando o time maringaense, o União chegou ao empate aos 9 minutos da etapa complementar com Rosseto, um dos jogadores que entrou no intervalo. Mantendo a intensidade, os mandantes viraram o jogo aos 22 minutos com Fornazari, o outro jogador que entrou para o segundo tempo. Tendo em vista o revés sofrido, o Maringá voltou a buscar o gol, juntamente com o União que não parou de pressionar, mas o jogo ficou nisso mesmo, 2x1 para a equipe da casa.
Precisando da vitória, o Maringá joga em casa no domingo (16) às 15:30, esperando um bom público. Já o União vem à cidade canção precisando de um empate para ser campeão da segundona paranaense. Vale lembrar que as duas equipes já estão garantidas na elite de 2018.
Ficha Técnica:
CE União 2x1 Maringá FC
CE União: Marcos Paulo; Júlio Lopes, Casemiro, Felipe e Thiaguinho; Wellington, Sato (Rosseto), Leandrinho e Willian (Esquerda); Ariel (Matheus Fornazari) e Thiago Maringá.
Técnico: Ivair Cenci.
Maringá FC: Ednaldo; Danilo, Anderson, Egon e Rhuan; Fabrício (Diogo), Léo Maringá, Éverton (Felipe Leitão) e Júnior Prego; Rodrigo Jesus e Ítalo.
Técnico: Fernando Marchiori.
Local: Estádio Municipal Anilado, em Francisco Beltrão.
Data e Hora: 12/07/2017, às 20:15.
Árbitro: José Mendonça da Silva Júnior.
Assistentes: Jefferson Cleiton Piva da Silva e Giovani Marcos Matielo.

Público e Renda: 1714 pagantes/1808 total; R$ 36.970,00.
Cartões Amarelos: Fabrício, Rhuan, Diogo e Ednaldo (Maringá FC).

Gols: Fabrício para o MFC (26'/1°T); Rosseto e Matheus Fornazari para o CEU (09' e 22'/2°T, respectivamente).

Escrito por: Pedro Venturini 

sexta-feira, 7 de julho de 2017

União será o adversário do Maringá na final da segundona


Na noite da quinta-feira (6) a última rodada do grupo A da divisão de acesso paranaense foi fechada, depois de um grande atraso. A equipe do União de Francisco Beltrão fez o dever de casa e venceu o Iraty no Estádio Municipal Anilado por 1x0, com gol de Fornazari aos 31 minutos da etapa complementar. Com a vitória, a equipe de Francisco Beltrão conquistou a vaga para a final da segundona e o tão sonhado acesso para a elite do paranaense 2018.

Já o Maringá, mesmo sem jogos pelo campeonato paranaense, não diminuiu a intensidade dos trabalhos. O elenco viajou para Londrina nesta quinta-feira para um amistoso contra a equipe rival, que foi realizado no CT SM Sports, no qual a equipe azul celeste venceu pelo placar de 2x0. O time da cidade canção jogou o primeiro tempo com a equipe que disputará a final da segundona e a segunda etapa com a equipe sub-23, já dando ritmo de jogo aos jovens jogadores que disputarão a Taça FPF, a qual começará em agosto. O próximo compromisso do Maringá FC será a tão esperada final da divisão de acesso. As datas das finais ainda não foram divulgadas, mas comenta-se nos bastidores que o primeiro jogo, no Estádio Anilado em Francisco Beltrão, será no dia 12 deste mês e o segundo e decisivo jogo, no dia 16 no Estádio Willie Davids.

quinta-feira, 6 de julho de 2017

Aos moradores de Sarandi....


Duas ruas de Sarandi, no Jardim Paulista, podem ficar sem água até o final da tarde desta quinta-feira (06). A autarquia de águas teve que interromper o abastecimento devido ao conserto de um grande vazamento. A prefeitura foi notificada a respeito do vazamento na última quarta (05), a Autarquia de Águas de Sarandi já providenciou alguns caminhões pipa para suprir a necessidade dos moradores.